O custo da sustentabilidade

"Estamos num mundo em que “as marcas têm mais poder do que os Estados”, diz Pedro Graça, o responsável pela promoção da alimentação saudável em Portugal. A comida é vendida barata (170% abaixo do seu custo real, indicam alguns estudos), mas os consumidores pagam-na por outras vias. Quais são elas?" - Artigo do Jornal Público, pode ser lido neste link.
 
https://www.publico.pt/multimedia/interactivo/alimentacao-na-cidade#o-custo-da-sustentabilidade
 

Share this:

O abastecimento das cidades

"Hoje falamos muito de agricultura urbana como sendo um fenómeno novo, uma prática contemporânea, mas sempre existiu nas cidades". - Artigo do Jornal Público, pode ser lido neste link.

https://www.publico.pt/multimedia/interactivo/alimentacao-na-cidade#o-abastecimento-das-cidades

Share this:

A lógica dos circuitos curtos

"O grande desafio em Portugal, sublinha a responsável, “é perceber como se podem criar rotas logísticas que sejam eficientes no abastecimento às cidades e que dêem respostas sem aumentar muito a pegada de carbono” - Artigo do Jornal Público, pode ser lido neste link.

https://www.publico.pt/multimedia/interactivo/alimentacao-na-cidade#a-logica-dos-circuitos-curtos

Share this:

O poder do consumidor

"Em 2050, seremos 9,5 mil milhões, a maior parte a viver em cidades (66%, segundo previsões das Nações Unidas, contra 54% actualmente e 30% em 1950) e, em muitos casos, em megacidades, com 10 ou 20 milhões de pessoas. Como vamos alimentar uma população mundial em crescimento? Os cálculos da ONU indicam que será preciso aumentar a produção em 60%.

Mas como iremos produzir alimentos suficientes se a área agrícola tende a diminuir, engolida pelo avanço urbano, e se muitos dos solos produtivos correm o risco de ficar esgotados por uma agricultura intensiva?" - Artigo do Jornal Público, pode ser lido neste link.

https://www.publico.pt/multimedia/interactivo/alimentacao-na-cidade#o-poder-do-consumidor

Share this:

Quem sabe da poda é…o Luís Alves!

Bela entrevista, publicada no blogue da Noocity!!! 
 
"Tenho o enorme privilégio de cultivar todos estes ingredientes e a quase todos sorrio diariamente, porque são meus vizinhos, com quem partilho preocupações, alegrias e até certas intimidades. 
 
Gosto de os comer, mas não será essa a única razão porque os cultivo. Na mesma medida, tenho-os sempre à mão porque me dão um enorme prazer, que ultrapassa largamente o sensorial e olfactivo. 
 
Tal como era para os Roquivários, também para mim a sua beleza é fundamental. A receita é saber viver sem eles, quando não é a sua época própria, conviver bem com as suas ausências, exigi-los sempre sem silicones ou botoxes (será o mesmo que dizer sem pesticidas ou adubos de síntese). 
 
E quando finalmente chegam para passarem mais algumas semanas ou meses nas nossas vidas, sabe-los receber com a maior dignidade ao alcance do nosso conhecimento". 

https://www.noocity.com/pt-pt/quem-sabe-da-poda-e-o-luis-alves/?utm_source=Subscribers_Portugues&utm_medium=email&utm_campaign=f9918fce60-EMAIL_CAMPAIGN_2018_01_08&utm_term=0_99d0554177-f9918fce60-452000989&mc_cid=f9918fce60&mc_eid=8057bd23cf

Share this:

As minhas pessoas

A minha querida amiga Cristina Alves deu-me o privilégio de uma entrevista para o seu projecto pessoal, As minhas pessoas

Deixo-vos este registo intimista, a vida sob o ponto de vista de um agricultor. Obrigado por ser uma das tuas pessoas, Cristina!!! Ver entrevista neste link.

http://www.asminhaspessoas.com/2018/04/30/ha-algo-que-pauta-a-longevidade-de-qualquer-agricultor-e-a-coerencia/

Share this:

Ivo - a despedida

Após 8 anos de uma intensa, maravilhosa, incrível, premiada, sofrida, respeitável, criativa relação profissional, o Cantinho das Aromáticas deixará de contar com o Ivo Pinto.

O Ivo foi durante todo este tempo um faz-tudo, trabalhador valente, pronto para todos os desafios.

Fez-se agrónomo, seduziu com a sua simpatia todos os que com ele se cruzaram. Tantas vezes foi tido como meu irmão mais novo!!!Fizemos o improvável, criamos novos caminhos, cometemos erros, ditamos tendências, fomos fieis à agroecologia. Sempre num ambiente de profundo respeito, lealdade e cordialidade.

Com ele, segue uma parte deste Cantinho... Não sem antes deixar a sua semente, passou os últimos meses a preparar arduamente um novo membro da equipa, jovem agrónomo, para que o Cantinho siga em frente.

Resta-nos desejar-lhe uma Vida Grande, que nunca se esqueça de nós!!! Até sempre!!!


Share this:

Austrália quer recuperar Grande Barreira de Coral

Um dos ecossistemas mais incríveis do Planeta Terra é a Grande Barreira de Coral, na costa Leste da Austrália. 

Património Mundial da UNESCO desde 1981, a Grande Barreira de Coral estende-se ao longo de cerca de 2400 quilómetros, um território mais vasto do que a Itália, e é o maior complexo de recifes de coral do mundo.

Os recifes de coral representam menos de 1% do ambiente marinho da Terra, mas abrigam cerca de 25% da vida marinha.

Estima-se que 30% deste maravilhoso ecossistema já tenha morrido, sobretudo graças ao aquecimento global provocado pelo homem e pela poluição associada à aplicação de pesticidas na agricultura.

A Austrália vai investir o equivalente a cerca de 312 milhões de euros (uma ninharia ridícula) para convencer os agricultores a reduzirem a quantidade de pesticidas e a adquirir boas práticas agrícolas, entre outros factores que estão a contribuir para a sua destruição.

Segundo o ministro do Meio Ambiente Australiano, o recife é responsável por cerca de 64 mil empregos e representa mais de 6 biliões de dólares australianos para a economia do país, atraindo mais de 2 milhões de visitantes por ano. 

A humanidade continua sem perceber que os serviços gratuitos prestados pelos ecossistemas não se conseguem substituir, mesmo com investimentos ridículos como este, inferiores ao que Portugal, por exemplo, tem investido na recuperação de bancos falidos! 

Sem estes serviços prestados pelos ecossistemas, o futuro próximo será verdadeiramente assustador, para TODOS NÓS. Muito mais do que a falência de um banco em qualquer parte do mundo. 


https://www.publico.pt/2018/04/29/ciencia/noticia/australia-vai-recuperar-a-grande-barreira-de-coral-1815735




Share this:

Oficina de Floreiras Aromáticas - Gratuita - 26 de Maio

Quer aprender a compor as suas floreiras de aromáticas? Quais as espécies que pode/deve plantar e conjugar? Quais as conjugações de plantas que melhor funcionam? Aprenda todos os truques e dicas para obter sucesso na elaboração e manutenção das suas floreiras.

Sábado, 26 de Maio às 10:00 horas, no Cantinho das Aromáticas.

Duração da sessão: 1,00 hora.

A inscrição é gratuita mas obrigatória em maria@cantinhodasaromaticas.pt

https://www.facebook.com/events/375524802929562/

Morada:

Cantinho das Aromáticas
Rua do Meiral, 508
4400-501 Canidelo
Vila Nova de Gaia

Tlf: 227710301
Telemóvel: 912260714

Share this:

Cosmética Biológica - Benefícios e vantagens - Sessão gratuita - 19 de Maio

Venha conhecer os benefícios e vantagens da cosmética biológica. Saiba qual a diferença entre cosmética biológica e a convencional.

Nesta sessão de esclarecimento, iremos ajudar a perceber e a conhecer os seus benefícios e os produtos adequados a cada situação. Falaremos de cosmética para bebés, cosmética familiar e protetores solares. 

Sábado, 19 de Maio às 15:00 horas, no Cantinho das Aromáticas. 

Duração da sessão: 1,30 horas.

A inscrição é gratuita mas obrigatória em maria@cantinhodasaromaticas.pt

https://www.facebook.com/events/159803774855559/

Morada:

Cantinho das Aromáticas
Rua do Meiral, 508
4400-501 Canidelo
Vila Nova de Gaia

Tlf: 227710301
Telemóvel: 912260714

Share this: